QUER EDUCAR O SEU CÃO? UM TREINO POSITIVO COM ALEGRIA? TREINO DE OBEDIÊNCIA COM CLIKER. SOLUÇÕES COMPORTAMENTAIS E SOCIALIZAÇÃO COM OS DONOS.
.posts recentes

. Relacionamento entre cães...

. Psicologia canina

. Dobermann

. BOXER

. Rottweiler

. Retriever do Labrador

. COMO? E PORQUÊ? TREINAR....

. PASTOR ALEMÃO

. PITT BULL

. Treino de Obediência ( Pa...

.arquivos

. Abril 2007

. Março 2007

Segunda-feira, 9 de Abril de 2007
Dobermann
Dobermann




Dobermann e sua fama de excelente defensor.

Dobermann

...... Correr e pular sem parar no portão ajuda a intimidar os passantes. É uma encenação desgastante que cansa fácil outras raças menos ágeis e mais pesadas - mas não um bom Dobermann. A raça também se destaca pela habilidade de saltar em todas as direções e desviar de chutes, tiros e facadas. Isso reduz a vulnerabilidade durante um confronto. E tem mais: com um salto rápido e certeiro, pode impedir que um bandido use uma arma. Suas qualidades físicas permitem ainda percorrer um terreno por um bom tempo sem se cansar. Essa capacidade é importantíssima para defender sítios ou terrenos industriais.

...... Um bom Dobermann também consegue correr em alta velocidade, o que facilita perseguições a invasores. "Quanto menor o tempo para trocar de passada e maior o passo, maior a velocidade e menor o gasto de energia", explica Peduti. Ou seja: o cão corre mais e se cansa menos. Flexibilidade é outra característica típica da raça: as pernas do Dobermann devem ser elásticas o suficiente para saltar com facilidade. Quanto maior a propulsão, maior o pulo. E isso também é fundamental numa perseguição, quando ele pode ter de transpor barreiras. Para desenvolver todas essas capacidades - agilidade, velocidade e flexibilidade - o Dobermann precisa ter um equilíbrio perfeito entre tamanho dos ossos, musculatura e encaixe das articulaçães. Mas nem sempre é isso que se vê.

Mordida

...... Uma das armas mais poderosas de um cão de guarda é a sua mordida. Num ataque, a capacidade de abocanhar corretamente, fixar os dentes e segurar a "presa" é o que faz a diferença entre o sucesso ou o fracasso. Por isso, o Dobermann deve ter mandíbulas fortes, e mordida ampla: o focinho tem de ser largo na região dos dentes da frente; e sua boca, quando aberta, deve alcançar até os molares. A dentição tem de ser completa, e a mordedura, em tesoura (os quatro dentes da frente da arcada superior devem se sobrepor aos quatro de baixo). Isso praticamente impossibilita retirar algo que esteja sendo mordido pelo cachorro, enquanto sua boca permanecer fechada. Ao lado dos dentes incisivos, os caninos, mais longos, funcionam como um travão que se finca e segura firme.

Soluções

...... Escolher um filhote que se transforme num adulto próximo da perfeição não é tarefa fácil nem para os especialistas, muito menos para um leigo. No Dobermann, a maioria dos defeitos é sutil, e outros não aparecem em filhotes novinhos. Com dois meses, um Dobermann já deve ser robusto e passar a impressão de força. Verifique a ossatura de braços e pernas, que devem ser grossos e proporcionais ao corpo. Mas ainda assim, nessa idade, tudo pode mudar e a garantia de uma ossatura adequada não é plena. É possível, ainda, fazer uma série de brincadeiras para testar o temperamento. Atire uma bolinha rasteira ao chão em um ambiente que não tenha barulhos ou movimentos que dispersem a atenção dos filhotes. Veja quais exemplares vão buscá-la. Esse teste serve para detectar como é o instinto de guarda do filhote. Descarte os que não forem atrás dela, pois mostram que não gostam de ser comandados. Jogar um molho de chaves no chão também é útil para ver a curiosidade e o destemor do filhote: mesmo com dois meses, não deve se assustar.

...... Isso é tudo que se pode observar no filhote até quatro meses. Daí em diante, já é possível analisá-lo de forma mais ampla. Observe os aprumos (pés têm de ser virados para a frente, e as pernas, paralelas); os metatarsos (osso entre os dedos e o calcanhar) têm de estar perfeitamente perpendiculares ao chão, quando vistos de trás. Observe ainda se as patas dianteiras estão muito apoiadas no chão, se os pés estão virados para dentro ou para fora, se os dedos são muito separados, e se os cotovelos estão muito perto do chão - todas essas características são indesejáveis. A movimentação também já pode ser verificada. Leve-os para caminhar por uns 20 metros e veja quais "trançam" as pernas (trançar uma ou duas vezes é normal; mais é sinal de problemas).

...... O melhor é comprar o filhote com seis meses ou mais. Nessa fase, suas características estão mais definidas, e a dentição já está completa. Para testar o instinto de guarda, por exemplo, ameace-o com uma vara enquanto ele está preso a uma coleira peitoral com a guia frouxa. Se ele procurar a proteção do dono, é sinal de medo e total insegurança; o correto é ele se aproximar com curiosidade, mostrando ser equilibrado e corajoso. O problema é que normalmente as ninhadas são vendidas antes dos seis meses.Mas procure sempre um especialista.

publicado por caesbemtreinados às 19:29
link do post | comentar | favorito
|
.mais sobre mim
.pesquisar
 
.Abril 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
25
26
27
28
29
30
.Fazer olhinhos
blogs SAPO
.subscrever feeds